Share Button

Queríamos conhecer o Irajá Gastrô desde que ele abriu suas portas em Dezembro de 2011. Além de estar entre os restaurantes mais celebrados do Rio nos últimos tempos, ele é comandado pelo chef Pedro de Artagão, que conhecemos de longa data desde que ele comandava a cozinha do Restaurante Cordato na Barra e almoçávamos lá nos fins de semana.

Como o Irajá Gastrô não abre aos domingos (por enquanto), tivemos um pouco de dificuldade de conciliar as agendas para visitar, mas aproveitamos o último feriado para jantar por lá e matar nossa curiosidade. O restaurante fica numa casa charmosíssima do começo do século XX na Rua Conde de Irajá em Botafogo, que vem se consolidando como um dos pólos gastronômicos da cidade.

O cardápio muda de tempos em tempos, o que nos deixou um pouco frustrados por não podermos experimentar alguns dos pratos recomendados por quem já conhecia o restaurante, pelos diversos reviews que lemos e pelas dicas do Foursquare – mas assim que começamos a experimentar as delícias do cardápio esquecemos completamente do resto.

Abrimos pedindo duas entradas. O Pão de Queijo de Tapioca com Coulis de Damasco é  super crocante por fora com um toque que mistura o adocicado e o cítrico do coulis faz jus a todos os elogios. É tão bom que deu vontade de pedir outro! Nos contemos para experimentar outra opção de entrada e não nos arrependemos: pedimos Chips de Mandioca, que levam uma mão de manteiga de garrafa para ajudar as pequenas lascas queijo Grana Padano a aderir. Essa releitura sofisticada dos chips ficou deliciosa como a descrição do prato.

Na hora dos pratos principais, o garçom que nos atendeu descreveu os pratos e seu modo de preparo com tamanha atenção e conhecimento que já começamos a salivar.

O Agnoloti de Bufaline pode até parecer simples por levar apenas açafrão, manjericão e passas de tomate – mas não se engane! O prato é saborosíssimo e em nada parece com uma massa comum. As passas de tomate, que passam pelo mesmo processo que as uvas passas para adquirir seu sabor, são incríveis e surpreendentes!

A Pancetta Braseada com Tropeirinho Chique praticamente merece um post só pra ela de tão incrível. Seu preparo leva mais de 10 horas, onde a pancetta (barriga de porco) é levemente assada para que a gordura derreta e faz ela penetrar na carne, dando ainda mais sabor a ela. Além do sabor, o processo deixa a pancetta extremamente macia e faz com que ela se desmanche na boca. O Tropeirinho Chique dá o toque final ao prato. Com “pingos” de ovos e lascas de bacon, é de deixar qualquer um em êxtase!

Apesar de extremamente satisfeitos, não conseguimos deixar de provar as sobremesas. Pedimos o Bolo Quente de Brigadeiro, que acompanha uma incrível calda de chocolate e o Sundae de Caramelo com Doce de Leite Quente, Banana Caramelada e Crouton de Nozes. Os dois servem tranquilamente duas ou até mais pessoas, mas são tão bons que é difícil indicar um só!

Certamente voltaremos logo no Irajá Gastrô, até porque ficamos aguando por outros pratos do cardápio, como a entrada de Terrine de Foie Gras com Gel de Tangerina e o recomendíssimo prato 3xPato, que traz coxa confit, magret e foie gras.

A dica: faça reserva com antecedência, porque o restaurante já foi descoberto e as mesas estão sempre disputadas!

 

Serviço
Endereço: Rua Conde de Irajá, 109, Botafogo – Rio de Janeiro – RJ
Horário: Segunda a Quinta das 12h às 15h30 e 19h30 à 0h00.
Sexta das 12h as 15h30 e 19h30 à 1h30.
Sábado das 19h30 à 1h30.
Estacionamento: Valet pago
Preço: de R$ 75 a R$ 125 por pessoa
Informações: 21 2286 4249, 2294 7830 e www.irajagastro.com.br
Cartões: Todos 


Share Button